Visita a Brasília: para aqueles que gostam de andar…

Por ser a capital federal idealizada pelo nosso ex-presidente da República, Juscelino Kubitschek, uma visita a Brasília é algo que todo brasileiro tem a obrigação de um dia fazer. Afinal, é a capital de nosso país e é sempre bastante enriquecedor saber onde é e como é o centro administrativo de nossa nação. Ao contrário do que se fala habitualmente, é uma cidade com muitas atrações, diurnas ou noturnas, para diferentes gostos, sendo assim um bom destino para os viajantes que buscam conhecer algo diferente em termos de paisagem urbana. Sem falar que a mesma é reconhecida internacionalmente como patrimônio Mundial pela Unesco, devido ao seu conjunto arquitetônico e urbanístico.

Onde se hospedar numa visita a Brasília?

De antemão, é bom já estar ciente do seguinte: uma das coisas que Brasília possui de mais caro é a hospedagem para turistas em seus hotéis. Os pontos mais procurados são os hotéis dos setores hoteleiros norte e sul, que são muito bem localizados e próximos aos principais pontos turísticos de Brasília. Sugere-se o Hotel Allia, situado no SHN, que é mais em conta e bem confortável, além de bem próximo da Torre de TV, um dos pontos turísticos bem badalados de Brasília.

 

O que fazer em Brasília?

Conhecer Brasília de ônibus não é, nem de longe, a melhor idéia. Para falar a verdade, entendo que conhecer Brasília no centro do plano piloto, que é uma região que abriga a maioria das grandes obras urbanísticas e de arquitetura da extraordinária dupla Lúcio Costa/Oscar Niemeyer, É UMA ATIVIDADE PARA SE FAZER A PÉ. Com uma dose razoável de disposição, é possível fazer todo o percurso do Memorial JK até o Palácio do Planalto ida e volta tirando centenas de fotos dessas lindas obras que ali estão. Esse passeio é ideal para se fazer em grupo de amigos. Entre tais obras, destacam-se nesse extenso passeio: o Memorial JK, a Torre de TV, a Catedral Metropolitana, a Biblioteca Nacional, a Esplanada dos Ministérios, os Palácios Itamaraty, da Justiça e Alvorada e, é claro, o Congresso Nacional. Além de outros um pouco mais recentes como o Estádio Mané Garrincha, que recebeu jogos da Copa de 2014.

fb_img_1479748667719

fb_img_1479748655750

fb_img_1479748661970

fb_img_1479748646320

fb_img_1479748639599

Um detalhe interessante e pouco divulgado é que existe uma excursão totalmente grátis para conhecer o Congresso Nacional em seu interior, passando pelas Câmaras dos Deputados e do Senado, com um guia que explica tudo sobre a casa e seu funcionamento.

fb_img_1479748685706

Porém, sabe-se que nem todo mundo curte esse passeio “viação canela”. Daí vem a seguinte solução: ou aluga-se um carro ou gasta-se uma fortuna de táxi porque esperar por ônibus em Brasília é pedir para perder tempo de passeio…

Mas calma… Ainda há uma terceira sugestão que é relativamente nova na nossa capital…

Por volta de junho de 2014 instalaram em Brasília algumas estações de bicicletas patrocinada pelo Banco Itaú onde pode-se alugar essas bicicletas por certo período e estacioná-la numa estação qualquer do plano piloto central, facilitando BASTANTE o deslocamento do turista. A idéia é muito boa mesmo… No Rio já tem essas estações de bicicletas e o turista simplesmente ADORA, pois dinamiza bastante a cobertura da cidade.

Muito boa essa novidade… Poucas pessoas sabem que Brasília agora conta com essa estratégia para percorrer a cidade de maneira mais dinâmica… Quem não conhece esse esquema, pode pesquisar no Google algo como “bicicletas do Itaú em Brasília”… Lá eles dão mais detalhes…

Para aqueles que curtem uma night, a melhor sugestão é sair para beber no Pontão do Lago Sul, que é um pólo de barzinhos e restaurantes que fica às margens do Lago Paranoá, numa região muito bonita de Brasília, sobretudo para se tirar fotos do pôr-do-Sol. Dentre os barzinhos, sugere-se o Mormaii, um surf bar onde pode-se experimentar alguns petiscos e curtir uma música ao vivo.

Dica: existem bons bares para curtir com os amigos em outros pontos de Brasília. Porém a maioria deles fecham suas portas muito cedo, por volta das 20 hs. Por isso, para aqueles que gostam de biritar até mais tarde, o ideal é ir direto para o Pontão do Lago Sul mesmo, pois por lá não se tem hora para terminar as atividades (ou pelo menos, terminam bem mais tarde…)


Curiosidades sobre Brasília:

  • A ponte Juscelino Kubitschek, no Lago Paranoá, é considerada pela Engineering Society of the State of Pennsylvania (Sociedade de Engenharia do Estado da Pennsylvânia), dos EUA, como a ponte mais bonita do mundo.

  • O Lago Paranoá não é obra da natureza e sim um lago artificial criado para diminuir os efeitos do clima pouco úmido de Brasília.

  • A Torre de TV proporciona a melhor vista da cidade, de onde avista-se com clareza e beleza a Esplanada com o Congresso ao fundo de um lado e o Estádio Mané Garrincha e o Memorial Jk do outro .

  • As ruas não têm nome. Têm números.

  • Brasília abriga 124 embaixadas estrangeiras.



    Booking.com

The following two tabs change content below.
Luiz Carahu é professor, carioca, e apaixonado pela arte de conhecer lugares novos. Sempre que é possível, dá uma escapada para dar uma monitorada no mundo e ver se está tudo em ordem pelo planeta Terra...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *