Visita a Manaus: o básico em 3 dias.

Para aqueles que gostam de uma viagem ecológica com um tempero de emoção: não deixem de conhecer a Amazônia. Um destino incrível, rico em sua fauna e sua flora, é exuberante. Por isso, uma excelente opção para se desfrutar dessa dádiva da natureza é fazer uma visita a Manaus, capital do estado brasileiro do Amazonas e aproveitar seus pontos turísticos típicos de quem procura esse tipo de emoção.

Manaus não é uma cidade muito grande, mas é uma cidade que possui uma história bastante interessante, devido ao período próspero que viveu no ciclo da borracha, o que impulsionou significativamente sua economia à época e proporcionou a construção de grandes palácios e outras obras pelos barões da borracha e que podem ser vistos e admirados até os dias de hoje. Nos dias de hoje, sua economia apoia-se quase que em sua totalidade na Zona Franca mas o requinte e o charme provenientes da época áurea da borracha permanecem dando seu toque de beleza à cidade. O clima é extremamente quente. Por isso, aconselha-se o uso de roupas leves e consumo de bastante líquido.

Onde se hospedar numa visita a Manaus:

Para se hospedar em uma visita a Manaus, existe um fator decisivo no momento em que se for escolher o hotel: a personalidade do turista. Para aqueles que gostam de contato mais direto com a natureza, recomendam-se os “hotéis de selva”, com destaque para o Amazon Ecopark. Neste tipo de hotel, o visitante tem contato mais direto com a fauna e flora amazônicas, ficando junto à floresta, onde pode ver bem de perto alguns bichinhos da mesma (imagina tomar um café da manhã com, por exemplo, um arara bem próximo de você?). O hotel oferece diversos eventos, que podem ir desde um lual numa praia particular à coquetéis em suas dependências. Já para aqueles que gostam da natureza mas não dispensam um passeio urbano no fim do dia, com direito à uma cervejinha num barzinho ou algum outro programa noturno na cidade, o ideal é ficar num hotel em terra mesmo, de preferência perto do centro de Manaus, onde encontram-se a maioria dos pontos turísticos terrestres da cidade.

 

O que fazer numa visita a Manaus?

. Parte Terrestre:

Com relação à parte terrestre, conforme citado anteriormente, o melhor a se fazer é conhecer primeiro as grandes construções do ciclo da borracha, que localizam-se no centro histórico da cidade e que, em sua maioria, podem ser visitadas a pé, de uma para a outra. Dentre estas, destacam-se o indescritível Teatro Amazonas, a maior obra do ciclo da borracha e que mostra bem o poder econômico da cidade à época. Paga-se uma pequena taxa para fazer a visitação interna do mesmo, mas vale a pena pela sua grandiosidade e importância para a história da cidade.

fb_img_1479748545633

Após esta visita, pode ir conhecer o Palácio do Rio Negro, que pertenceu a um grande barão alemão da borracha, chegou a ser sede do governo estadual mas hoje é apenas ponto turístico de grande importância da cidade.

Em termos de palácios, destacam-se também o Palácio da Justiça e o Palacete Provincial, que rendem boas fotos dos mesmos e também estão próximos ao centro histórico.

Após fazer estas visitas, é interessante pegar um ônibus e conhecer um novo ponto turístico desta capital de clima tropical: A Arena da Amazônia, que recebeu 4 jogos da Copa do Mundo de 2014 no Brasil. É uma construção extremamente encantadora e moderna e que fica um pouco distante do centro histórico, sendo assim necessário pegar um ônibus (que não costuma demorar muito) ou um táxi.

fb_img_1479748554284

fb_img_1479748608110

 

Num outro dia, é possível pegar um solzinho na praia fluvial mais famosa do Amazonas: a Praia de Ponta Negra, que dá nome ao bairro mais nobre de Manaus. Trata-se de uma praia que é banhada pelas águas do Rio Negro, o que a torna um ponto indispensável para aqueles que planejam uma visita a Manaus.

No fim do dia, para aqueles que não dispensam uma cervejinha ou uma vida mais boêmia, uma boa sugestão é sair para beber e comer uns petiscos na “Praça do Caranguejo”. Trata-se de um aglomerados de barzinhos em Manaus em que o povo se reúne à noite para beber e jogar conversa fora.

. Parte Fluvial:

 Como relação à parte fluvial, o ideal é realmente contratar uma agência de viagem local que ofereça passeios partindo do Porto de Manaus. Existem inúmeras agências na cidade que trabalham no ramo e que oferecem diferentes tipos de passeios. Sugere-se, dentre muitas agências, a Amazonas Day Tour, cuja organização é reconhecida na grande rede e os preços não são exorbitantes.

Dentre as atividades que podem ser desenvolvidas pelos passeios oferecidos, destacam-se: visita ao encontro das águas dos rios Negro e Solimões; visita a comunidade ribeirinha; pesca de piranhas; nado com botos; visita a uma tribo indígena; contato direto com alguns animais típicos da fauna, como bichos-preguiça, jacarés e sucuris; visita às Vitórias-Régias e Igapós e, para aqueles que são mais aventureiros, passar alguns dias com um guia acampados na floresta, para um contato mais direto com a natureza. Todos os passeios incluem o almoço, menos as bebidas. As atividades de cada pacote são oferecidas de acordo com o gosto do cliente. Normalmente, os passeios se iniciam por volta das 8 hs, partindo do Porto de Manaus. Estes passeios ainda contam com uma vista maravilhosa da Ponte Rio Negro, que passa por sobre o rio de mesmo nome e onde os barcos passam por baixo em suas excursões.

fb_img_1479748564285

fb_img_1479748535018

fb_img_1479748586584

Todos esses passeios e atividades são INDISPENSÁVEIS para aqueles que querem conhecer Manaus e a típica fauna e flora amazônicas.

Dica: no momento de ir embora, existe um preço tabelado para táxis que fazem o transfer de qualquer hotel para o aeroporto, que é de +- R$ 65,00. Porém, se for possível fazer amizade com algum taxista da cidade, os mesmos costumam fazer esse trajeto por um preço pré-combinado entre as partes e mais em conta.

  • Curiosidades sobre Manaus:

. O nome Manaus derivou da tribo dos manaós, antigos habitantes da região amazônica.

. Manaus é a sexta cidade mais rica do Brasil.

. Manaus foi considerada pela revista America Economia uma das 50 melhores cidades da América Latina para negócios.

. O maior porto fluvial em volume de cargas do Brasil é o de Manaus. Um detalhe: ele foi construído sobre imensas bóias para não inundar durante as cheias da região.

. A Zona Franca de Manaus abriga 430 empresas, a maioria de produtos eletrônicos.

. Com 681 lugares, o Teatro Amazonas foi construído na Europa e trazido de navio para Manaus.

. O prato típico de Manaus (e de toda a região) é o tacacá. A paixão do manauense pelo tacacá é tamanha que a iguaria é vendida até em banquinhas de rua.

Booking.com

The following two tabs change content below.
Luiz Carahu é professor, carioca, e apaixonado pela arte de conhecer lugares novos. Sempre que é possível, dá uma escapada para dar uma monitorada no mundo e ver se está tudo em ordem pelo planeta Terra...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *